Como a API se tornou importante para o setor financeiro

A sigla API corresponde às palavras em inglês “Application Programming Interface”, se tornou cada vez mais frequente nas companhias. Quem atua na área de tecnologia costuma ter um contato frequente com uma sigla muito comum no setor devido a sua importância nos processos de integração dos sistemas das empresas.

Por ser um tipo de interface que define como um tipo de solução pode se comunicar com as outras, independentemente se a linguagem de programação é diferente das demais a serem integrados. Devido a essa importância, o conceito ganhou força no setor financeiro.

Mas como e onde funciona API?

Para quem ainda não sabia, a definição de API vem do acrônimo originário do inglês “Application Programming Interface”. Na tradução ao pé da letra para o português, significa “Interface de Programação de Aplicação”. A partir dessa conceituação, é possível perceber que se trata de um conjunto de rotinas e padrões de programação para acesso a um aplicativo de software ou plataforma baseado na web.

Uma API é criada quando uma empresa de software tem a intenção de que outros criadores desenvolvam produtos associados ao seu serviço. Com isso, a interface engloba todas soluções sem conhecimento ou intervenção dos usuários e funcionam por meio da comunicação de diversos códigos, ao definir comportamentos específicos.

Na prática, uma API liga as diversas funções em um site de forma que podem ser usadas em outras aplicações. Prova desse tipo de funcionamento são os sistemas de pagamento online, que apresentam uma boa funcionalidade dessa interface. A API usada nesse caso faz todas funções rodarem de maneira automática. Esse exemplo mostra de forma clara como o referido sistema se tornou essencial no setor financeiro.

APIAPI:  Mudança nas operações financeiras

A transformação digital mudou completamente a realidade das instituições financeiras porque trouxe uma proximidade ainda maior com o cliente final. Com o uso cada vez mais frequente de smartphones, tablets e computadores para realização das transações bancárias.

O setor também precisou adotar estratégias para oferecer seus serviços por meio desses acessos eletrônicos. As APIs caíram como uma verdadeira luva para integrar tudo isso diretamente ao correntista.

 

Por meio dessas interfaces, as empresas do segmento podem se conectar com as outras.  Para gerar uma oferta ainda maior de serviços disponíveis para as pessoas.

Assim, outras companhias são estimuladas a desenvolver soluções para as instituições financeiras, como também para as fintechs.  

API: Importância para o setor financeiro

Nesse novo modelo de negócios, uma determinada instituição financeira consegue expandir o seu raio de ação. E, consequentemente aumentar a sua receita. Por outro lado, a chegada das APIs para oferecer uma gama ainda maior de serviços tem trazido uma inovação nos bancos. Considerados tradicionais,  essas empresas precisaram repensar seus conceitos e formas de atuação, uma vez que as fintechs vieram para facilitar a vida dos consumidores.

O uso das APIs no setor financeiro trouxe outros fatores mais críticos que devem ser considerados importantes no momento de tomar a decisão pela sua utilização. Entre esses quesitos, estão os custos e, sobretudo, a segurança nas transações proporcionadas aos clientes.

Mesmo com pontos críticos, as instituições optaram por enfrentar esse contexto para colocar praticamente todos os serviços bancários disponíveis para os clientes. Entre esses produtos, destacam-se o acesso aos empréstimos, seguros, informações ao correntista, históricos e transferências bancárias. Além do sistema de pagamento já mencionado anteriormente.

Alguns programas têm conquistado o setor financeiro. O principal deles é o Open Bank. Ele é uma API de código aberto que funciona como uma verdadeira “loja” de aplicativos para os bancos. 

Ele permite que as instituições financeiras desenvolvam suas ofertas digitais de forma rápida e segura. Devido a sua tamanha importância, esse assunto será abordado com mais detalhes numa próxima ocasião. 

O Grupo Nexxera oferece a possibilidade de integração de dados via APIUm dos nossos produtos é o o Cobrança Eletrônica  que é uma solução que facilita a emissão de boletos de forma rápida, automática e segura. Ele agrega toda a carteira de cobrança que a empresa trafega via arquivo ou API com o banco. E permite disponibilizar os boletos aos pagadores através de e-mail ou login e senha.

Continue nos acompanhando por aqui e fique por dentro das novidades!

 

Meios Eletrônicos de Pagamento, Soluções Financeiras, Tecnologia e inovação , 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *