A gestão de fornecedores é um processo de muito valor dentro da gestão estratégica que tem por objetivo otimizar o controle da cadeia de suprimentos.

A técnica envolve todas as etapas de compra da empresa, e pode ser considerada uma das operações com maior relevância e complexidade dentro da companhia.

Um mal gerenciamento da cadeia de suprimentos pode impactar toda a logística do negócio. Por outro lado, uma boa gestão de fornecedores pode trazer grandes vantagens competitivas para a empresa, uma vez que os fornecedores são peça fundamental para o sucesso de um negócio.

A gestão de fornecedores é uma relação comercial que visa uma parceria a longo prazo. O financiamento da cadeia de suprimentos é uma utilidade que você pode oferecer ao seu fornecedor de forma estratégica.

A técnica permite antecipar um valor, de títulos ou notas, aos fornecedores que eles receberiam em uma data futura. Os benefícios dessa linha de crédito são variados e para ambas as partes do negócio. Ou seja, todos ganham e estreitam relações.

Nesse artigo, você vai entender melhor sobre a gestão de fornecedores e como utilizar a o financiamento da cadeia de suprimentos de forma estratégica para alavancar o seu negócio.

O que é gestão de fornecedores?

A gestão de fornecedores é o conjunto de técnicas que uma empresa utiliza com o objetivo de administrar melhor a sua cadeia de suprimentos.

Dessa forma, buscando a garantia dos melhores produtos, prazos e negociação.

O processo de gestão de fornecedores envolve desde a escolha e avaliação dos fornecedores, até o gerenciamento e relacionamento com eles e monitoramento das suas atividades.

Ou seja, a gestão de fornecedores é o meio de coordenação de todas as atividades que envolvam compras na empresa.

A seleção de fornecedores é um ponto de maior atenção. Afinal, todo negócio precisa de uma variedade de produtos e mercadorias ao seu dispor para desenvolver suas atividades de forma eficiente.

E, para isso, existem 3 critérios que são mais importantes na escolha de um fornecedor:

  1. Preço;
  2. Prazo de entrega e pagamento;
  3. Qualidade do serviço.

Os responsáveis devem buscar parceiros inovadores e que tenham capacidade técnica, produtiva e financeira.

Também devem fazer o acompanhamento de estoque e o desenvolvimento de uma política de compras adequada.

Os fornecedores trazem valor agregado ao negócio ao ajudar na gestão de custos de entrega e no monitoramento das encomendas.

Além disso, uma boa relação com fornecedores pode garantir uma troca com sugestões de melhorias na logística e gerenciamento de estoque.

A gestão de fornecedores auxilia, portanto, no crescimento estruturado da empresa. Visto que boas negociações nas compras corporativas aumentam a chance de expandir os ganhos.

A empresa cresce de forma estruturada, segura e sustentável!

Você que chegou até aqui já entendeu a dimensão da importância da gestão de fornecedores para a sua empresa.

Agora vou destacar detalhadamente os 4 benefícios diretos dessa prática nos negócios.

1. Melhor qualidade do produto entregue

Concorda que a qualidade da entrega do seu fornecedor está diretamente ligada a qualidade do seu produto?

Por isso, é tão importante pensar na qualidade dos insumos desde o início da cadeia de suprimentos.

Esse é o caminho para não só atender as necessidades, mas superar as expectativas dos clientes. Dessa forma, conquistando a confiança do público-alvo e construindo um bom relacionamento.

2. Atendimento de prazos e disponibilidade

Não adianta ter uma boa mercadoria e não conseguir entregar!

A gestão de fornecedores é importante para assegurar prazos de entrega e fazer controle de estoque. Bons fornecedores garantem a disponibilidade e distribuição em dia.

Além de diminuir os custos da empresa relativos à estocagem, permitindo que ela administre de forma racional suas mercadorias.

3. Preços competitivos

A gestão de fornecedores promove melhor relacionamento entre a empresa e seus parceiros. E essa relação de confiança abre portas para condições diferenciadas.

Porém, é bom lembrar que não se deve construir uma relação de dependência com um único fornecedor!

Parceira não quer dizer exclusividade, é sempre bom ter opções de fornecimento.

4. Maior valor agregado dos produtos

A gestão de fornecedores é o melhor caminho para elevar o valor agregado do seu produto.

Se um fornecedor oferece material de qualidade, entrega no prazo e com preço competitivo, a empresa economiza e pode ter um lucro maior.

A atuação conjunta de produção, estoque e compras possibilita a criação de estratégias para otimizar o fornecimento de insumos. Como consequência, a empresa se torna mais competitiva no mercado.

O que é o financiamento da cadeia de suprimentos?

Ainda falando sobre os impactos positivos de uma boa gestão de fornecedores para o desenvolvimento da empresa, é importante falar sobre prazo de pagamento, que deve ter equilíbrio com o recebimento da empresa.

A gestão de fornecedores deve administrar esses valores e levar em consideração a flexibilidade de pagamento, descontos, parcelamentos e outras facilidades oferecidas.

O financiamento da cadeia de suprimentos é uma dessas vantagens. O financiamento de suprimentos consiste na antecipação de um valor para os seus fornecedores utilizarem nas suas empresas.

Muito semelhante à operação de um empréstimo, mas nesse caso o fornecedor recorre à própria empresa parceira.

No dia a dia corporativo o fornecedor quer ser pago o mais cedo possível e o comprador quer prolongar o pagamento para melhorar o fluxo de caixa.

O financiamento da cadeia de suprimentos vem para aliar e atender necessidades de ambas as partes.

A finalidade é fazer a integração de toda a cadeia produtiva com seus fornecedores sob a ótica financeira.

O financiamento por terceiros pode ter diversas finalidades ao fornecedor, como melhorar o capital de giro, conseguir descontos à vista com os fornecedores dele, ou até salvar aquele mês em que ele ficou com o planejamento financeiro comprometido.

Dessa forma, a empresa obtém maiores prazos de pagamento ou descontos, enquanto os fornecedores recebem o valor com taxas mais baixas do que as tradicionalmente relacionadas ao seu risco de crédito.

Tal processo também é conhecido como antecipação de recebíveis ou ainda como risco sacado.

A antecipação de títulos ou notas é feita por uma fonte financiadora, que vai dispor do capital a fim de atender a necessidade do fornecedor num prazo maior.

Tal fonte pode ser a empresa, que nesse caso vai utilizar os próprios recursos para financiar diretamente com o fornecedor. Ou ainda, instituições financeiras e bancos, para obtenção de crédito mais barato.

As instituições financeiras lucram com a obtenção de uma margem mais alta do que a convencional.

A intermediação é feita pela empresa parceira, que usa a sua confiabilidade para obtenção de crédito.

Como o valor já pertence a empresa, o risco de inadimplência é muito menor e faz com que seja uma operação mais vantajosa do que empréstimos, por exemplo.

Quais os benefícios da oferta de crédito para sua empresa

Como vimos, o financiamento da cadeia de suprimentos busca oferecer a famosa situação ganha a ganha: comprador e fornecedores atendem suas necessidades e estreitam a relação.

Vamos analisar agora de forma individualizada os 6 grandes benefícios que a oferta de crédito pode trazer para a sua empresa:

1. Maior capital de giro

A antecipação de recebíveis ajuda a melhorar o capital de giro dos seus fornecedores. Um tipo de financiamento que pode deixar o fluxo de caixa mais saudável.

Com o valor antecipado, fornecedores aumentam seu capital de giro recebendo valores próprios antecipadamente.

Em contrapartida, a empresa compradora consegue acordar formas de pagamento melhores, com maior prazo e/ou descontos.

2. Ecossistema mais forte

A antecipação de recebíveis contribui com o cenário macroeconômico, fortalecendo o ecossistema em que a empresa está inserida e auxilia, dessa forma, na sua própria estabilidade.

Podemos pensar como um grande ciclo, visto que empresas sem clientes e fornecedores não existem.

Um ecossistema saudável é essencial para manter o equilíbrio do fluxo de caixa e evitar problemas financeiros e prejuízos.

3. Melhorar o fluxo de caixa

No processo de antecipação de recebíveis a empresa compradora, também chamada de sacado, consegue, na negociação, extensão de prazos de pagamento. Dessa forma, pode lidar melhor com uma carência em capital de giro.

O fluxo de caixa deve ser feito com muita atenção para evitar problemas de desequilíbrio ou descasamento.

A antecipação de recebíveis é uma ótima linha de crédito para aproveitar oportunidades do mercado e melhorar a produtividade da sua empresa.

4. Otimização do planejamento financeiro

O processo de antecipação de recebíveis tende a beneficiar o planejamento financeiro tanto da empresa compradora, quanto do fornecedor.

Ambos conseguem reduzir custos operacionais ao ganhar uma previsibilidade.

O comprador pode oferecer a antecipação e, com ela, descontos nas compras à vista, diminuindo o grau de endividamento.

Já o fornecedor, obtém capital de giro com melhores taxas, além de ter menos burocracia para solicitar e receber o valor desejado.

5. Financiamento por terceiros

O processo possibilita o financiamento da cadeia de suprimentos por terceiros, com vantagens para ambos os lados, como vimos.

No entanto, algumas empresas ainda não implementaram programas de sucesso a longo prazo.

O motivo pode ser a falta de uma ferramenta de gerenciamento e suporte digital para disponibilizar e negociar para fornecedores. Ou ainda, pela falta de recursos próprios.

6. Fortalecer Relações Comerciais

Como falei, a antecipação de recebíveis fortalece seus relacionamentos com os fornecedores. Além de dar a autonomia que eles precisam para sentir segurança desta operação.

O bom relacionamento pode trazer benefícios para ambos os lados, a empresa consegue negociações melhores de custos de mercadoria e entrega.

A confiança possibilita também trocas de experiências para otimização do gerenciamento de logística e estoque.

Antecipação de recebíveis como estratégia de crescimento

A antecipação de recebíveis é não só uma estratégia de gestão de fornecedores, mas uma estratégia de crescimento para a sua empresa.

Como vimos, é um recurso importante para fortalecer o fluxo de caixa da sua empresa de forma ágil e com baixo custo.

Vivemos em tempos de um cenário econômico altamente competitivo. E manter um fluxo de caixa saudável permite que a empresa aproveite as oportunidades.

Todo negócio é composto por momentos de altos e baixos, principalmente quando o seu ciclo de vida ainda é curto.

Um bom gestor deve considerar técnicas que garantam a saúde financeira da empresa e a antecipação de recebíveis é uma delas.

Através da antecipação de recebíveis é possível ter dinheiro de maneira estratégica e, assim, suprir demandas de crescimento.

Imagina que você, como gestor, precise de uma reposição do estoque de emergência para impulsionar as vendas. Ou ainda, aproveitar promoções vantajosas de fornecedores.

Ter recursos extras em caixa é importante para sanar problemas do dia a dia corporativo, como esses.

De forma prática, a gestão estratégica da empresa deve considerar a antecipação de recebíveis como ação eficiente para gerar receita que possa ser utilizada para o crescimento do negócio, suprindo as necessidades de curto e médio prazos.

Importante ressaltar que a tática além de conseguir dinheiro de forma rápida e sem altas taxas de juros, é também bastante segura. Dado que a antecipação é um recurso financeiro da própria empresa.

Veja alguns pontos que ela pode ajudar a resolver:

  1. Comprar matéria-prima;
  2. Financiar projetos estratégicos;
  3. Desafogar o caixa da empresa em meses de baixa.

No entanto, deve-se considerar que a empresa precisa ter controle do fluxo de caixa e um planejamento financeiro bem estruturado para aderir a estratégia.

A gestão deve prever passos futuros para o crescimento da empresa, levando em conta que com o capital antecipado, não irá receber nos meses das parcelas acordadas.

A antecipação de recebíveis é uma estratégia que pode trazer muitos ganhos, mas que deve ser usada de forma inteligente.

Pois, impactará o seu negócio a médio e longo prazo. Afinal, o objetivo de toda empresa é crescer de forma sustentável e não metendo os pés pelas mãos.

Recomendados para você

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.