Informações financeiras: nuvem ou servidor próprio?

Não se sabe ao certo quando surgiu o termo cloud computing (computação na nuvem). Mas, independente da época em que apareceu, é um tema amplamente discutido atualmente. A nuvem tem atraído a atenção de gestores pelas facilidades proporcionadas com seu uso.

Algumas empresas ainda têm insegurança com essa tecnologia, principalmente quando o assunto envolve dinheiro. Com este post, ajudaremos você a conhecer as opções e decidir se vai armazenar as informações financeiras em nuvem ou em servidor próprio.

Cloud computing

A computação em nuvem funciona com seus arquivos reunidos em um espaço em um servidor na internet. Esse tipo de tecnologia permite ao usuário armazenar e compartilhar dados pela rede. E essa é a principal vantagem: não ocupar espaço na memória do seu computador. Isso diminui a necessidade de ter uma máquina com alta capacidade de armazenamento.

informações financeirasTambém não é preciso instalar programas no equipamento pelo qual você vai acessar a nuvem. E não há limitações por compatibilidade de sistemas operacionais utilizados. Para uma empresa, colocar as informações financeiras em nuvem pode ser muito vantajoso para o compartilhamento de dados entre a equipe, uma vez que várias pessoas podem acessar e atualizar o arquivo sem que seja preciso fazer o download e upload do documento.

Servidor próprio?

Para garantir total eficácia do seu trabalho, apenas certifique-se de que seu equipamento esteja conectado à uma rede segura e que a internet tenha velocidade suficiente para permitir a nuvem trabalhar com facilidade. Uma segunda opção ao armazenamento das informações financeiras em nuvem é utilizar um servidor próprio. Servidor é um sistema que permite a integração de uma rede de computadores, sendo o equipamento um aparelho de computador com uma capacidade muito alta.

Essa alternativa faz o armazenamento dos documentos de forma mais segura e privada, já que o equipamento deverá ficar em um local reservado, garantindo mais confiabilidade aos seus usuários.

Informações financeiras com segurança

Outro ponto a ser destacado é que o servidor não depende de conexão com internet para funcionar. Ou seja, mesmo que a sua empresa precise trabalhar offline, será possível ter acesso aos documentos se eles estiverem armazenados em um servidor próprio.

Com essas dicas, ficará mais simples você decidir se deve armazenar as informações financeiras em nuvem ou em servidor próprio. Como também escolher a melhor opção que se adaptar a realidade da sua empresa.

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? compartilhe nos comentários abaixo.

Tecnologia e inovação 1 Comment

Comment (1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *