Planejamento de distribuição: por que é importante fazer

FAs grandes empresas encontram desafios constantes em monitorar bem o desenvolvimento das demandas. Com o auxílio de ferramentas, os gestores precisam analisar o momento atual da companhia e tomar decisões que favoreçam o seu crescimento. Nesse momento, uma das preocupações tem sido com o planejamento de distribuição, no qual a companhia precisa estar preparada para controlar os níveis de estoque e atender bem o cliente.

O planejamento de distribuição tem a função de prever as necessidades futuras da empresa, a fim de suprir a demanda dos clientes em tempo hábil. É preciso calcular o estoque de segurança e organizar o serviço de distribuição. Por isso, utilizar sistemas que permitam a integração das operações mercantis e financeiras de uma empresa em um único ambiente é fundamental para essa tarefa.

Nesses casos, o Distribution Requirements Planning (DRP), ou Planejamento das Necessidades de Distribuição em português, é a principal ferramenta utilizada para registrar as informações. Por meio de uma solução de supply chain, é possível coletar e processar os dados de toda a cadeia de suprimentos para fazer o planejamento de distribuição.

Esse processo é indispensável para que sejam determinadas as necessidades de cada centro de distribuição de uma empresa e, assim, garantir o controle de estoque. Com o uso de um DRP, o gestor consegue ter uma visão geral do quadro da empresa e tomar decisões sobre quando e quanto pedir para repor os suprimentos.

As empresas que realizem um bom planejamento de distribuição conseguem conduzir os problemas de falta de produtos e atrasos nas entregas para os clientes. Dessa forma, a companhia fica melhor posicionada no mercado competitivo, tornando-se destaque entre a concorrência.

Supply Chain, Tecnologia e inovação , 0 Comments

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar

wpDiscuz