O real impacto da rede 5G nos negócios

A chegada da nova geração de conexão de dados está próxima: no ritmo que o desenvolvimento dessa tecnologia caminha, é previsto que a rede 5G esteja funcionando no segundo semestre de 2019. O fato dos smartphones estarem evoluindo muito rápido nos últimos anos e a alta taxa de transferência de arquivos entre dispositivos são os grandes impulsionadores da estruturação tão veloz dessa quinta geração. De acordo com a IHS Markit, entre 2020 e 2030, estima-se que a indústria mundial gaste mais de 2 trilhões de dólares para a viabilização da nova rede.

Sem dúvida, a chegada da rede 5G irá causar impactos em diversos setores da sociedade, especialmente nos negócios, facilitando conexões, acelerando processos e melhorando o dia a dia nas empresas. Comentamos algumas das principais mudanças que esta inovação pode trazer para o mundo corporativo nos próximos anos.

rede-5-g-o-que-é

 

Tecnologia na prática: a transferência ilimitada de dados entre dispositivos e a maior qualidade no processo, com muito mais rapidez e estabilidade, são as principais vantagens do 5G. Além de aumentar a eficiência dos negócios em diferentes frentes, a confiabilidade cresce, pois o risco de ter a conexão interrompida durante um processo baixa muito com a implementação da novidade.

 Benefícios para todas as áreas: as vantagens da rede chegam a todos os segmentos do mercado: no campo da saúde, por exemplo, a maior eficiência na troca de dados entre diferentes partes do mundo auxilia na tomada de decisões importantes relacionada ao tratamento de pacientes. Outra situação: um empresário que tem uma loja física e quer levar seus produtos para uma feira fica tranquilo sabendo que a maquininha para pagamentos e o sistema de computador do estabelecimento vai funcionar perfeitamente.

 

Além dos celulares: a tecnologia impulsiona diversos campos, como a de internet das coisas, tecnologia aumentada, monitoramento de saúde, cidades inteligentes e até carros autônomos. As conexões serão mais numerosas e poderosas, permitindo que tudo esteja conectado com qualidade e menos riscos de falha.

 

Aumento de velocidade: é esperado uma mudança significativa nesse quesito. O órgão equivalente à Anatel nos Estados Unidos, a FFC, aposta que a tecnologia deve ser tão eficiente quanto a de fibra existente hoje. É provável que o consumidor conte com uma rapidez acima de 10 Gbps. O ideal para o 5G seria 20 Gbps, o suficiente para fazer o download de um filme em alta definição em 10 segundos, porém, esse é um teto de referência para área de desenvolvimento e, na vida real, interferências de sinais na entrega e físicas podem diminuir essa capacidade.

 

Abre portas para inovação: o 5G vai ajudar a implementar os projetos que ainda não saíram do papel por questões técnicas e estruturais. Além disso, a capacidade tecnológica expandida diminui as barreiras que limitam ideias, permitindo criar muito mais do que se existe hoje, fazer mudanças em negócios e expandir atuação.

 

Menos latência e maior capacidade de banda e frequência: o tempo que um pacote de dados ou comando leva para ir de um ponto a outro vai ser muito menor. No 4G, a média de latência fica em 10 milissegundos (ms) e, com 5G, deve ir para a faixa de 1 ms. O espectro para a transferência de dados também melhora na nova frequência.

 

Menos dependência do Wi-Fi: maior liberdade para realizar ações e planos fora do alcance da rede de Wi-Fi. Além disso, a banda larga 5G se torna um plano B muito mais efetivo no caso de uma falha do wireless.

 

Melhor streaming e serviço de nuvem: o uso de cloud também se beneficia com a rapidez da nova rede. O mesmo vale para transmissões em streaming, que ganham em estabilidade e qualidade.

 

Ao que tudo indica, desde os pequenos negócios até as grandes corporações serão beneficiadas com a rede 5G. Então, que venha o futuro!

Tecnologia e inovação , , , , , , 0 Comments

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar

wpDiscuz